Home » » Vou criar um canal no YouTube, que tipo de conteúdo devo criar?

Vou criar um canal no YouTube, que tipo de conteúdo devo criar?

Written By Jonas Souza on sábado, 18 de julho de 2015 | 11:27:00

Muita gente pensa em criar um canal para ganhar dinheiro. Embora muitas pessoas de sucesso aconselham fazer o que você gosta, será que isso é mesmo uma boa idéia? Repare que este conselho vem muitas vezes de pessoas que lançaram um ou dois vídeos no Youtube e por muita sorte alcançaram o sucesso. Será que se tivessem fazendo só o que gosta, teria alcançado 200 ou 300 vídeos? Imagino que pouco deles iriam fazer isso, se os vídeos não chegassem a mil exibições. Já estou há sete anos fazendo vídeos para o YouTube, hoje tenho vários canais, incluindo o Sonaje e diria neste momento que o melhor é fazer pra ganhar exibições e consequentemente inscritos e consequentemente dinheiro com o Adsense. Mas pensando nisso, que tipo de conteúdo devo criar? O YouTube, com base em experiências com os meus canais, apresenta conteúdos que é novidade, notícias, fofocas de celebridades. Então eu diria que estes temas seria uma boa pra você começar o seu canal e ganhar dinheiro.

 

YouTube_logo_2013.svgUse sua criatividade para falar destes assuntos e você vai ver sua conta do adsense acumular números, coisa que dificilmente acontece se você fazer somente o que você gosta. Mas quero fazer o que eu gosto e não abro mão disso. Bom se você está ou é feliz fazendo vídeos que você gosta e não se importa com retorno financeiro, quem sou eu pra dizer alguma coisa? Outro conselho que posso te dar é ter um canal para fazer somente o que você gosta e outro canal para criar visualizações. Assim fica até mais fácil para divulgar o seu canal principal. Falando em divulgar, se você deseja dar uma boa divulgada em seu canal, neste post falo sobre 8 ferramentas para divulgar o seu canal do Youtube. Não deixe de conferir.

 

É isso aí pessoal, por hoje é só, se você gostou deste post inscreva-se em nosso blog para receber em seu e-mail as próximas postagens.

0 comentários:

Postar um comentário